Pesquisar este blog

sexta-feira, 4 de março de 2016

Policiais civis do DF terão direito ao plano de saúde da Geap

04.03.216
Do portal do SINPOL-DF, 02.03.16

plano de saude - divulgacao
Adesão ao Geap foi articulada pelo Sinpol-DF
Da Comunicação do Sinpol-DF, com informações da Geap
Os policiais civis do Distrito Federal conquistaram mais uma vitória, que também pode ser considerada histórica: enfim, toda a categoria, incluindo os servidores ativos, aposentados e pensionistas terão direito a um plano de saúde.
Nos próximos dias, a Polícia Civil do DF (PCDF) e a Geap Autogestão em Saúde assinarão o convênio que permitirá a adesão dos servidores à carteira de planos oferecidos pela empresa. A expansão da Geap para os servidores da PCDF foi aprovada na última quarta-feira, 24, pelo Conselho de Administração da entidade (Conad).
Esse era um dos pleitos mais antigos dos policiais civis e vinha sendo reivindicado, insistentemente, pela atual gestão do Sindicato dos Policiais Civis do Distrito Federal (Sinpol-DF).
Por muitos anos, os servidores tinham que contratar o plano diretamente com as operadoras privadas e eram restituídos pela PCDF com um valor ínfimo – para isso, contudo, o servidor enfrentava um processo absolutamente burocrático.
“Recebemos essa notícia com muita satisfação. Os gastos com plano de saúde eram mais um fator que contribuía para o comprometimento da renda dos policiais civis, cujo salário está bastante defasado. Essa é mais uma vitória de todos”, comemora Rodrigo Franco “Gaúcho”, presidente do Sinpol-DF.
O Sindicato sempre pôs à mesa a reivindicação de melhoria pela assistência à saúde prestada aos policiais civis. As conversas sempre consideraram não só uma desburocratização do processo de restituição, mas, também, uma alternativa que minimizasse os impactos dos custos com plano de saúde para a categoria.
A adesão à Geap surgiu em uma das primeiras conversas da diretoria com o Governo do Distrito Federal (GDF) e, posteriormente, com o Diretor-Geral da PCDF, Eric Seba. O pleito também levado ao Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão (MPOG).
BENEFÍCIOS
Depois da assinatura do convênio com a PCDF, os servidores interessados poderão escolher entre os planos da Geap (Geap-Referência, GeapEssencial, GeapClássico, GeapSaúde e grupo familiar) aquele que melhor atende às suas necessidades familiares.
“Além da rede credenciada com prestadores de referência nacional, tanto na área médica quanto odontológica, ao ingressar na Geap, o policial civil terá à sua disposição uma gama de programas de promoção à saúde e prevenção de doenças, com atividades gratuitas e diversificadas para cada fase da vida”, garante o diretor de Serviços da Geap, Francisco Monteiro Neto.
O preço das mensalidades e a possibilidade de inserir familiares no plano foram alguns dos motivos determinantes para as negociações com a Geap. De acordo com a empresa, as mensalidades dos planos são em média 40% mais em conta que opções semelhantes disponíveis no mercado.
Em alguns casos, o custeio das outras operadoras chega a ser 86% mais caro. “Essa conquista vai trazer uma melhoria sensível nas condições de trabalho. Agora vamos trabalhar com mais tranquilidade sabendo que teremos um bom plano de saúde para nos apoiar e também nossa família”, afirma o agente de polícia Luiz Augusto Cals.
ECONOMIA
Para a população idosa, a economia ao escolher um plano da Geap é a ainda mais expressiva. Um policial aposentado de 59 anos ou mais, por exemplo, que aderir ao plano mais completo pagará no máximo R$ 840,32 por mês (isso sem descontar a contrapartida da PCDF). Para esta mesma faixa etária, a mensalidade mais em conta das outras operadoras passa dos R$ 1.100.
Com experiência de 70 anos na assistência à saúde do servidor público, a Geap mantém, hoje, convênio com 130 órgãos governamentais (ministérios, autarquias, universidades, fundações, centros de pesquisa, entre outros) e uma rede credenciada de mais de 15 mil prestadores entre clínicas, hospitais e laboratórios, localizados em todos os estados e no Distrito Federal.
Atualmente, a Geap Autogestão em Saúde tem 600 mil brasileiros inscritos em seus planos, entre servidores públicos e familiares. É a operadora com a maior carteira de idosos do país. São mais de 280 mil beneficiários a partir de 59 anos, dentre os quais 70 mil que já passaram dos 80 anos e 500 que já são centenários.
Um dos principais diferenciais da empresa é o compromisso de acolher e cuidar de todos sem fazer qualquer tipo de discriminação por idade ou doença preexistente.

LEIA ABAIXO MATÉRIA DA GEAP SOBRE O CONVÊNIO COM PCDF:
Geap e PCDF se reúnem para definir detalhes do novo convênio

Gestores da Polícia Civil do Distrito Federal (PCDF) e da Geap Autogestão em Saúde realizaram nesta segunda-feira (29) a primeira reunião de trabalho para definir os detalhes do convênio entre as duas instituições e estabelecer uma estratégia para agilizar a inscrição dos policiais civis nos planos da Geap. Com a parceria, os servidores da PCDF e familiares poderão aderir aos planos da Geap e contar com assistência integral à saúde em mais de 15 mil prestadores em todo o país.

“Estamos iniciando uma nova caminhada com a abertura da nossa carteira para receber os servidores da Polícia Civil do DF. Queremos reforçar aqui o nosso compromisso em zelar pelo acolhimento e cuidado desta categoria profissional que desempenha um papel tão importante para a nossa sociedade”, afirmou o diretor Executivo da Geap, Luís Carlos Saraiva Neves, na abertura da reunião.

Em nome da Direção Geral da PCDF, a diretora do Departamento de Gestão de Pessoas, Ivone Rosseto, agradeceu o acolhimento da Geap e ressaltou que este é um momento histórico para a instituição. "Muitos policiais hoje não conseguem pagar um plano de saúde para si e os familiares. A parceria com a Autogestão vai possibilitar ao servidor ter acesso a planos de saúde com ampla cobertura a um custo mais acessível", destacou.

Nesta primeira reunião, a Geap apresentou à PCDF a rede credenciada no Distrito Federal e detalhou os valores das mensalidades e a cobertura dos planos. Os gestores da Polícia Civil também conheceram todas as polícias de saúde disponíveis para os beneficiários da Geap. As equipes da Geap e da PCDF formaram grupos para os encaminhamentos práticos, nas áreas  jurídicas, de tecnologia, captação e comunicação, com vistas à formalização e execução do convênio.  
****
Fonte:http://sinpoldf.com.br/noticias/2016/03/policiais-civis-do-df-terao-direito-ao-plano-de-saude-da-geap.html
Postar um comentário