quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Deputado noveleiro retoma obsessão pelo PT e se dá mal

07.01.2016
Do blog VI O MUNDO
Da Redação
O deputado estadual gaúcho Jorge Pozzobom, do PSDB, ganhou uma certa notoriedade nas redes sociais ao escrever, num debate no twitter, a seguinte frase:
“Me processa. Eu entro no Poder judiciário e por não ser petista não corro o risco de ser preso”.
Foi a admissão de algo que todos sabemos: Privataria, trensalão, mensalão tucano, lista de Furnas, Lava Jato… nenhum tucano preso.
O deputado tem uma certa obsessão pelo PT.
Em sua mensagem de fim-de-ano, por exemplo, escreveu: “Para finalizar, quero desejar um excelente 2016 a todos os petistas que estão presos, e são muitos, pois tornaram 2015 nosso esperançoso”.
Agora, no Facebook, o deputado deu seguimento à sua obsessão e misturou o papel fictício do ator Zé de Abreu numa novela à realidade.
Levou um toco, pois fez isso no mesmo dia em que um delator corroborou a denúncia de que o ex-presidente do PSDB, Sergio Guerra, recebeu R$ 10 milhões de reais para enterrar uma CPI da Petrobras que havia sido aberta por insistência do próprio PSDB.
Ou seja, o líder da social democracia brasileira atuou como achacador barato. O que tu achas?
Captura de Tela 2016-01-07 às 13.41.51Captura de Tela 2016-01-07 às 13.42.08Captura de Tela 2016-01-07 às 13.42.24

Veja também:
*****
Fonte:http://www.viomundo.com.br/politica/deputado-noveleiro-retoma-obsessao-pelo-pt-e-se-da-mal.html
Postar um comentário