quarta-feira, 9 de setembro de 2015

Grevistas se organizam para ocupar o INSS da Avenida Dantas Barreto

09.09.2015
Do portal DIARIO DE PERNAMBUCO

Ocupação visa pressionar o governo a apresentar respostas concretas às reivindicações da categoria



Para pressionar o governo a apresentar respostas concretas às reivindicações dos servidores do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), que estão em greve a 60 dias, a categoria planeja invadir e ocupar, as 15 horas desta quarta- feira, o prédio da Superintendência Regional do INSS no Nordeste, na Avenida Dantas Barreto.


Segundo o Sindsprev/PE, está previsto que os servidores durmam no local até que recebam uma resposta definitiva sobre suas reivindicações. " Os grevistas já estão se organizando, levando colchonetes e roupas para acampar no prédio", afirmou assessoria.
*****
Fonte:http://www.diariodepernambuco.com.br/app/noticia/economia/2015/09/09/internas_economia,597032/grevistas-se-organizam-para-ocupar-o-inss-da-avenida-dantas-barreto.shtml

MAIS UM DEFENSOR DO GOLPE VIRA RÉU POR PROPINA: FRAGA

09.09.2015
Do portal BRASIL247
Fonte:http://www.brasil247.com/pt/247/brasilia247/196093/Mais-um-defensor-do-golpe-vira-r%C3%A9u-por-propina-Fraga.htm

O golpista Aloysio Nunes está no foco

09.09.2015
Do portal da Agência Carta Maior, 08.09.15
Por Altamiro Borges, em seu blog

Para o tucano, que posa de vestal da ética, o pedido do ministro Teori Zavascki visa desviar o foco da investigação da Operação Lava-Jato.

Pedro França/Agência Senado
Na semana passada, o ministro Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal, autorizou a abertura de inquérito contra mais três políticos mencionados na midiática Operação Lava-Jato: os petistas Aloizio Mercante, ministro da Casa Civil, e Edinho Silva, ministro da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República; e o senador tucano Aloysio Nunes, que foi vice do cambaleante Aécio Neves nas eleições de outubro passado. A reação dos três foi bastante distinta. Enquanto os petistas reagiram com tranquilidade, apoiando as investigações, o hidrófobo tucano - um dos mentores da tese golpista do impeachment da presidenta Dilma - ficou irritado e afirmou que o inquérito é "desvio de foco".
 
Segundo matéria do site do Jornal do Brasil nesta segunda-feira (7), "o ministro Aloizio Mercadante reagiu com calma à notícia de que o ministro do STF, Teori Zavascki, permitiu uma investigação, a partir da delação premiada de Ricardo Pessoa, da UTC Engenharia, a seu respeito". Ele garantiu que só se encontrou uma única vez com o empreiteiro, "por sua solicitação", quando disputou o governo de São Paulo, em 2010. Ele também afirmou que as doações da UTC foram devidamente declaradas na Justiça Eleitoral e "colocou-se à disposição do STF para prestar qualquer tipo de esclarecimento".
 
Já o ministro Edinho Silva, ainda segundo o Jornal do Brasil, também se mostrou tranquilo. "Sou plenamente favorável a que se apure todos os fatos e que todas as dúvidas sejam esclarecidas. Tenho a tranquilidade de quem agiu como coordenador financeiro da campanha presidencial de 2014 dentro da legalidade. As contas da campanha foram aprovadas por unanimidade pelo Tribunal Superior Eleitoral”, afirmou ao jornal. Numa longa entrevista à Folha, também neste domingo, o Edinho Silva afirmou que não teme qualquer investigação sobre sua conduta na tesouraria da campanha de Dilma.
 
No extremo oposto, o tucano Aloysio Nunes mostrou-se irritado com a abertura do inquérito no STF. Para o tucano, que posa de vestal da ética, o pedido do ministro Teori Zavascki visa desviar o foco da investigação da Operação Lava-Jato. Maroto, ele ainda tentou ludibriar a sociedade. "É simplesmente absurda a mera suposição de que eu, oposicionista notório e intransigente do governo do PT, pudesse favorecer negócios da Petrobras". No mesmo rumo, o senador Aécio Neves, presidente da legenda, divulgou uma nota oficial que só confirma o desespero dos tucanos. Vale conferir o cinismo:
 
"O PSDB recebeu com surpresa a abertura de inquérito das contas da campanha de 2010 do senador Aloysio Nunes, um dos mais combativos líderes da oposição no país. O PSDB, apesar de não temer qualquer tipo de investigação, chama a atenção para o risco das investigações desviarem-se do seu foco principal, que é a responsabilização daqueles que, no PT e partidos aliados, montaram complexo esquema de corrupção que assaltou os cofres da Petrobras e financiou a manutenção desse grupo no poder". Ou seja, os tucanos acreditam que são santos ou pensam que os brasileiros são otários!
******
Fonte:http://cartamaior.com.br/?/Editoria/Politica/O-golpista-Aloysio-Nunes-esta-no-foco/4/34438

Conhecendo Deus pessoalmente

09.09.2015
Do blog SUA ESCOLHA
O que é preciso para se iniciar um relacionamento com Deus?
Esperar que um raio caia? Devotar-se a obras de caridades em diferentes religiões? Tornar-se uma pessoa melhor para ser aceita por Deus? NADA disso. Deus deixou muito claro na Bíblia como podemos conhecê-lo. Aqui estão Quatro Princípios que irão explicar como você pode iniciar um relacionamento pessoal com Deus, agora mesmo…

PRIMEIRO PRINCÍPIO: Deus ama você e tem um plano maravilhoso para sua vida.

O AMOR DE DEUS
“Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo o que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna” (João 3.16).
O PLANO DE DEUS
Cristo afirma: “…eu vim para que tenham vida e a tenham em abundância” [Uma vida completa e com propósito] (João 10.10).
Por que a maioria das pessoas não está experimentando essa “vida em abundância”?
Porque…

SEGUNDO PRINCÍPIO: O homem é pecador e está separado de Deus; por isso não pode conhecer nem experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.

O HOMEM É PECADOR
“Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus” (Romanos 3.23).
O homem foi criado para ter um relacionamento perfeito com Deus, mas por causa de sua desobediência e rebeldia, escolheu seguir seu próprio caminho e seu relacionamento com Deus se desfez. Esse estado de independência de Deus, caracterizado por uma atitude de rebelião ou indiferença, é evidência do que a Bíblia chama de pecado.
O HOMEM ESTÁ SEPARADO

Porque o salário do pecado é a morte…”[separação espiritual de Deus] (Romanos 6.23).
Deus é santo e o homem é pecador. Um grande abismo separa os dois. O homem está continuamente procurando alcançar a Deus e a vida abundante, através de seus próprios esforços: vida reta, boas obras, religião, filosofias, etc…
A Terceira Lei nos mostra a única resposta para o problema dessa separação…

TERCEIRO PRINCÍPIO: Jesus Cristo é a única solução de Deus para o homem pecador. Por meio dele você pode conhecer e experimentar o amor e o plano de Deus para sua vida.

ELE MORREU EM NOSSO LUGAR
“Mas Deus prova o seu próprio amor para conosco pelo fato de ter Cristo morrido por nós, sendo nós ainda pecadores” (Romanos 5.8).
ELE RESSUSCITOU DENTRE OS MORTOS
“…Cristo morreu pelos nossos pecados… foi sepultado e ressuscitou ao terceiro dia, segundo as Escrituras, e apareceu a Pedro e depois aos Doze. Depois disso apareceu a mais de quinhentos..” (1 Coríntios 15.3-6).
ELE É O ÚNICO CAMINHO

“Respondeu Jesus: Eu sou o caminho, a verdade e a vida. Ninguém vem ao Pai, a não ser por mim”(João 14.6).
Deus tomou a iniciativa de ligar o abismo que nos separa dele ao enviar seu Filho, Jesus Cristo, para morrer na cruz em nosso lugar, pagando o preço de nossos pecados.
Mas não é suficiente conhecer essas três leis…

QUARTO PRINCÍPIO: Precisamos receber a Jesus Cristo como Salvador e Senhor, por meio de um convite pessoal. Só então podere- mos conhecer e experimentar o amor e o plano de Deus para nossa vida.

PRECISAMOS RECEBER A CRISTO
“Contudo, aos que o receberam, aos que creram em seu nome, deu-lhes o direito de se tornarem filhos de Deus” (João 1.12).
RECEBEMOS A CRISTO PELA FÉ
“Pois vocês são salvos pela graça, por meio da fé, e isto não vem de vocês, é dom de Deus; não por obras, para que ninguém se glorie” (Efésios 2:8-9).
RECEBEMOS A CRISTO POR MEIO DE UM CONVITE PESSOAL
Cristo afirma: “Eis que estou à porta e bato. Se alguém ouvir a minha voz, e abrir a porta, entrarei…” (Apocalipse 3.20).
Receber a Cristo implica arrependimento, significa deixar de confiar em nossa capacidade para nos salvar, crendo que Cristo é o único que pode perdoar nossos pecados. Apenas saber que Jesus Cristo é o Filho de Deus e que morreu na cruz pelos nossos pecados, não é suficiente. É necessário receber a Cristo pela fé, por meio de uma decisão pessoal.
Há dois círculos representando dois tipos de vida:
A vida controlada pelo “EU”. O “EU” no centro da vida. Cristo fora da vida. Interesses controlados pelo “EU”, geralmente, causando discórdias e frustrações.
A vida controlada por Cristo. CRISTO no centro da vida. O”EU”  fora do centro. Interesses controlados por Cristo, resultando em harmonia com o plano de Deus.
Qual dos dois círculos representa melhor sua vida? Qual deles você gostaria que representasse sua vida?
Gostaria de explicar como você pode receber a Cristo.

VOCÊ PODE RECEBER A CRISTO AGORA MESMO EM ORAÇÃO (ORAR É FALAR COM DEUS)

Deus conhece seu coração e está mais interessado na atitude de seu coração do que em suas palavras. A oração seguinte serve como exemplo:
“Jesus, eu preciso do Senhor. Abro a porta da minha vida e O recebo como meu Salvador e Senhor. Obrigado por ter morrido na cruz para perdoar meus pecados, por me dar a vida eterna, e por me aceitar como eu sou. Toma conta da minha vida e faça de mim a pessoa que deseja que eu seja. Amém”.
Você gostaria de receber  a Cristo agora?  Se for assim, faça essa oração e Cristo entrará em sua vida, como prometeu.
O que vem a seguir é uma longa jornada de mudança e crescimento enquanto você conhece melhor a Deus, lendo a Bíblia, orando e interagindo com outros Cristãos, durante toda a sua vida.
*****
Fonte:http://www.suaescolha.com/experiencia/pessoalmente/

O “escândalo” das estrelas superfaturadas

09.09.2015
Do BLOG DO MIRO, 08.09.15


Por Bepe Damasco, em seu blog:               

1) Já que a Procuradoria-Geral da República encaminhou ao STF e este repassou a competência ao juiz Moro para investigar as campanhas de Dilma em 2014, 2010 e até de Lula em 2006, por que a justiça não rasga a fantasia de uma vez e apura também possíveis patranhas no Lula Lá, de 1989?

2) Já que só o PT apresenta irregularidades em contas de campanha no Brasil, e que o partido é uma ilha de falcatruas em meio ao oceano de virtudes que é o sistema eleitoral brasileiro, por que não se abrir o leque das investigações para todas as campanhas petistas em seus 35 anos de história?

3) Já que o monopólio do deslize ético pertence ao PT, seria ótimo, então, que as autoridades recuassem no tempo e não deixassem pedra sobre pedra. Gilmar Mendes não deve deixar escapar a oportunidade de propor uma investigação sobre o uso e abuso da venda de estrelinhas que serviram para financiar as primeiras campanhas do partido.

4) Já que a temporada de caça ao partido só vai acabar no dia em que o PT for formalmente criminalizado, e de preferência fechado, que tal prestar atenção nas contribuições dos militantes ao partido ? Pode ser uma cortina de fumaça para encobrir lavagem de dinheiro.

5) Já que os tesoureiros do PT recebem propina, enquanto os do PSDB recebem doações, cairia como uma luva em tempos de crise um enxugamento radical do aparato legal que cuida das campanhas. Para que se gastar tanto dinheiro com uma estrutura fiscalizatória gigantesca que só serve para investigar o PT. De quebra, Levy aplaudiria o corte profundo.

6) Já que que ninguém liga mesmo para as 15 irregularidades encontradas nas contas de campanha de Aécio nas eleições do ano passado, tampouco para as seguidas delações do doleiro Youssef dando conta de que Aécio recebeu propina de Furnas, que tal o Globo dar-lhe o prêmio de “Personalidade que faz a diferença de 2015”? Seria uma justa homenagem à sua renitente militância golpista.

7) Já que o processo do mensalão tucano, embora muito anterior ao petista, jamais será julgado, e se for a maioria dos réus se beneficiará da prescrição dos crimes, a extinção da ação penal faria bem à causa da transparência pública, mesmo consagrando a impunidade.

8) Já que o trensalão tucano do PSDB de São Paulo terá o mesmo destino, não custa nada a Veja dar uma capa exigindo que se peça desculpas aos tucanos envolvidos no caso, afinal, trata-se de um segmento de brasileiros que está a salvo da aplicação da lei, não podendo, portanto, ser importunado.

9) Já que delação premiada de criminosos contra petista têm fé pública, mas quando envolve a oposição não passa de mera suposição sujeita ainda a longa investigação, cabe aos ilustres parlamentares do PSDB, DEM, PPS ou Solidariedade a apresentação de um projeto de lei que formalize essa discriminação.

10) Já que para a Lava Jato do juiz Moro não tem a menor importância a denúncia do corrupto Pedro Barusco, segundo a qual o esquema de propinas na Petrobras teve início em 1996, em plena era FHC, não seria o caso de o juiz de primeira instância do Paraná assumir em público que tucanos são inimputáveis?

****
Fonte:http://altamiroborges.blogspot.com.br/2015/09/o-escandalo-das-estrelas-superfaturadas.html

Primo-tesoureiro de Aécio tinha o dom da ubiquidade? Assessor na Câmara e no Judiciário ao mesmo tempo?

09.09.2015
Do blog TIJOLAÇO,07.09.15 
Por FERNANDO BRITO 

primo

A Rede Brasil Atual, em publicação da implacável Helena Sthephanowitz, levanta a estranha situação de que, no controle das finanças da campanha de Aécio Neves existiam, em tese, dois chefes.

Um, identificado para a imprensa, José Gregori, ex-ministro de FHC e um jurista de nome.

Outro, o registrado no TSE, Frederico Pacheco de Medeiros, primo de Aécio. Mais um primo, aliás.

Ocorre que o o Sr. Frederico (que aparece na foto menor) era, ao mesmo tempo, Diretor de Gestão Empresarial da Cemig, que tinha, entre outras funções definidas pelo Estatuto Social da companhia “administrar o processo de contratação de obras e serviços e de aquisição e alienação de materiais e imóveis”. (http://www.cemig.com.br/pt-br/a_cemig/quem_somos/governanca/Documents/Estatuto%20Social29-04-10.pdf, página 11.)

Quer dizer, o senhor Frederico arrecadava para a campanha com uma mão e contratava na Cemig com outra?

Claro, certamente as duas mãos eram independentes e Frederico tinha o dom de estar em todos os lugares ao mesmo tempo, na Cemig e no comitê tucano.

Aliás, no seu caso, isso não era novidade, como está registrado em sua descrição profissional, nas páginas 100 e 101 do Formulário de Referência da empresa elétrica mineira para os seus investidores:

O Sr. Medeiros nasceu em 1969. Formou-se em direito pela UFMG em 1992. Foi Assessor Jurídico do Tribunal de Justiça de MG de 1989 a 1998. Atuou como Secretário Parlamentar na Câmara dos Deputados de 1993 a 2002. Trabalhou como Secretário-Adjunto da Secretaria de Estado de Governo de Minas Gerais entre 2003 e 2008 e Secretário-Geral do Governador de Minas Gerais entre 2008 a 2010. Atualmente ocupa o cargo de Diretor de Gestão Empresarial da Cemig.
Que maravilha!

O camarada tinha um emprego no Judiciário e outro no Legislativo ao mesmo tempo? Um em Brasília e outro em Belo Horizonte? De 1993 a 1998, acumulou as funções? E foi  Assessor Jurídico do Tribunal de Justiça desde o 2º ano da Faculdade de Direito, que prodígio!

Os documentos estão aí, à disposição dos nossos “jornalistas investigativos” para esclarecer como o primo de Aécio tem o dom da ubiquidade.

Ou será que não vem ao caso, mesmo com as contas de Aécio “penduradas” no TSE?
*****
Fonte:http://tijolaco.com.br/blog/?p=29472

ALOYSIO E O MILAGRE DA INVISIBILIDADE TUCANA NA MÍDIA

09.09.2015
Do portal BRASIL247, 08.09.15
*****
Fonte:http://www.brasil247.com/pt/247/midiatech/196015/Aloysio-e-o-milagre-da-invisibilidade-tucana-na-m%C3%ADdia.htm

Paulinho da Força vira réu no STF

09.09.2015
Do blog CONVERSA AFIADA,08.09.15 
Por Paulo Henrique Amorim

MPF acusa o deputado de crime contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha
foto paulinho da força estadão
Defesa do deputado diz que ele é vítima de tráfico de influência por grupo criminoso
No G1:

Supremo aceita denúncia e Paulinho da Força vira réu em ação penal

Ministério Público acusa parlamentar de se beneficiar de desvios do BNDES.
Defesa diz que ele é vítima de tráfico de influência por grupo criminoso.

O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira (8) aceitar uma denúncia e abrir uma ação penal sobre o deputado Paulo Pereira da Silva, o Paulinho da Força (SDD-SP). Com isso, ele passa à condição de réu e responderá a um processo a ser julgado pelo próprio STF.

O Ministério Público Federal acusa o deputado de crime contra o sistema financeiro, lavagem de dinheiro e formação de quadrilha. A defesa nega e alega que ele foi vítima de tráfico de influência de um grupo criminoso (leia mais abaixo).

A denúncia foi aceita pelos três ministros presentes na sessão da Segunda Turma do STF: o relator, Teori Zavascki, além de Gilmar Mendes e Dias Toffoli. Todos avaliaram haver indícios de crime e autoria, mas reiteraram que as provas que poderão condenar ou absolver o deputado serão colhidas ao longo do processo.

Conforme a denúncia, Paulinho seria beneficiário de desvios em financiamentos concedidos pelo Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) a uma loja e da Prefeitura de Praia Grande (SP). Os valores seriam desviados através de uma empresa de consultoria que, segundo o MPF, não realizava os serviços para a loja e a prefeitura.

(...)
****
Fonte:http://www.conversaafiada.com.br/politica/paulinho-da-forca-vira-reu-no-stf