segunda-feira, 7 de setembro de 2015

Ajude a devassar a Lista de Furnas​

07.09.2015
Do blog CONVERSA AFIADA, 00.09.15
Por Paulo Henrique Amorim

Tucanos, tremei!

charge bessinha pig

A Lista de Furnas é do conhecimento do mundo mineral, diria o Mino.

Deputados mineiros já depositaram nas doutas mãos do Dr Janot informações preciosas e legitimas sobre todos os tucanos que se lambuzaram nas melosas águas de Furnas.

Mas, é preciso ir mais fundo.

Para constranger ainda mais todos os que colaboram incansavelmente para consolidar a percepção de que, na Justiça brasileira, os tucanos são inimputáveis

Com a exceção de um morto, o Sergio Guerra, criador de cavalos e presidente do PSDB, e de um quase morto, o Aloysio 300 mil, enfim entregue à serenidade do Ministro Teori.

Colabore!

******
Fonte:http://www.conversaafiada.com.br/politica/ajude-a-devassar-a-lista-de-furnas200b

MOVIMENTOS SOCIAIS REAGEM COM FRENTE BRASIL POPULAR

07.09.2015
Do portal BRASIL247,06.09.15

: Lançado em Minas com apoio de entidades como CUT, UNE, MST, FUP e Via Campesina, além de partidos como PT, PCdoB e parte do PDT, movimento surge para confrontar pauta conservadora “imposta ao país”; Frente se impõe o desafio de enfrentar a intolerância e o fascismo com uma agenda política que mostre um caminho para o Brasil, além de defender o mandato da presidente Dilma Rousseff (PT); segundo a deputada federal Jandira Fegali (PCdoB-RJ), o movimento expressa o desejo de sair da defensiva e ir para a ofensiva com uma agenda, uma plataforma, uma visão desenvolvimentista de Brasil; em discurso, João Pedro Stédile, do MST, disse que a direita tenta dar mais um golpe contra a sociedade, apoiando o impeachment; queixou-se, porém, que a política econômica aplicada não foi a prometida na campanha


*****
Fonte;http://www.brasil247.com/pt/247/minas247/195804/Movimentos-sociais-reagem-com-Frente-Brasil-Popular.htm

PROPINA TUCANA: PF PODE TER VÍDEO DE CARECA COM ANASTASIA

07.09.2015
Do portal BRASIL247, 06.09.15

******
Fonte:http://www.brasil247.com/pt/247/minas247/195834/PF-pode-ter-v%C3%ADdeo-de-Careca-com-Anastasia.htm

CURA DO CÂNCER: A incrível história do brasileiro que descobriu a cura do câncer e foi preso

07.09.2015
Do blog BRASIL29, 06.09.15

Carlos Kennedy Witthoeft afirma que está “com a consciência em paz”. Durante uma visita a São Carlos (SP), ele contou como conheceu a fosfoetanolamina sintética, apontada por pesquisadores como um tratamento alternativo para o câncer, por que quis doá-la e o que aconteceu após ser preso e indiciado por falsificação de medicamento. “Não tem como mensurar o que a gente sentia a cada pessoa que vinha falar que estava curada”, disse.

cancer0609
O catarinense relatou que conheceu a fosfoetanolamina em 2007. No dia 19 de março daquele ano, sua mãe teve uma hemorragia e exames apontaram câncer no útero. “Ela tinha o coração fraco, não daria para fazer cirurgia e nem quimioterapia, só radioterapia para dar mais qualidade de vida, mas não a cura”, relatou.
(fonte: Agora/G1)
Dois meses após o diagnóstico, quando amigos e familiares julgavam que a idosa de 82 anos não aguentaria por muito mais tempo, ele soube que pesquisadores da Universidade de São Paulo (USP) em São Carlos distribuíam uma substância para a doença. Pediu o telefone do coordenador dos estudos, o professor Gilberto Orivaldo Chierice, e ganhou as cápsulas.
“Minha mãe não levantava mais da cama, dava duas, três mordiscadas no pão e isso era a refeição do dia inteiro. Pedi para ela tomar o remédio e, no terceiro dia, ela andou, desceu as escadas, foi à cozinha e disse: ‘Eu queria comer uma sopa’”, narrou Kennedy.
Ele afirmou que a melhora foi progressiva e, no 18º dia de consumo da fosfoetanolamina, foi surpreendido. “Eu havia saído para ir aobanco e, chegando em casa, uns 40, 50 minutos depois, a minha mãe estava no canto do jardim segurando a enxada. Eu disse: ‘Mãe, o que tu queres com a enxada?’. E ela disse: ‘Vou dar uma capinadinha’”.
Nesse dia, ele deu a mãe como curada e ligou para Gilberto perguntando se poderia indicar as cápsulas, mas ouviu que a produção era insuficiente para atender mais pacientes. “Minha mãe era conhecida em Pomerode, pessoas viam a recuperação e perguntavam o que ela tinha feito, se eu conseguia para elas. Eu queria que amigos pudessem tomar, como podia dizer que não tinha como fornecer? Eu perguntei então se eu podia produzir”, contou.
“O doutor Gilberto me perguntou se eu era químico e eu contei que não, então ele disse que eu não poderia fazer, mas continuei insistindo porque, se eu estivesse com câncer, queria que me dessem a fosfo. Disse: ‘O que eu tenho é muita vontade de ajudar essas pessoas, não adianta ser químico e não ter vontade de ajudar’. Acho que esse argumento o sensibilizou e ele perguntou quando eu poderia vir aprender”.
Kennedy viajou várias vezes para São Carlos e a cada visita passava alguns dias na cidade. Ao todo, acredita que ficou cerca de quatro meses aprendendo a ser um químico prático e a sintetizar a substância. Quando finalmente conseguiu, começou a produzir as cápsulas em casa e a distribuí-las de graça. 
Prisão
 Kennedy produzia as cápsulas na companhia da esposa, Aridina Gutknecht Witthoeft, mais conhecida como Rita. Era ela que atendia as ligações e conversava com as pessoas que pediam ajuda. “Quando o câncer aparece, cai todo mundo, a família quer ajudar, o pai, o filho… Muitos ainda recebem como sentença de morte. Ela atendia as pessoas e as confortava, ficava uma hora, duas horas conversando. É preciso paciência, não é fácil, mas ela tinha o dom para isso”.
No começo, em 2008, ele conciliava a produção com o trabalho como representante comercial, mas a demanda cresceu. Sensibilizadas, várias pessoas começaram a ajudar e a dedicação passou a ser exclusiva. “Cada curado trazia em média três, quatro pessoas”, estimou.
Mas, no fim de junho deste ano, a produção cessou. Uma denúncia levou a polícia ao imóvel e a Vigilância Sanitária apreendeu o material. Kennedy passou 17 dias preso e foi indiciado por falsificação de medicamento, uma vez que a fosfoetanolamina sintética não tem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa).
No dia em que saiu da cadeia com um habeas corpus, Aridina (a esposa), passou mal. Ela foi internada e, após dias na unidade de terapia intensiva (UTI), faleceu em 1º de agosto, em decorrência de um aneurisma.
“Até dois meses atrás eu morreria feliz. Não tem como mensurar o que a gente sentia a cada pessoa que vinha falar que estava curada”, afirmou.
Entenda o caso
Na última segunda-feira (17), o G1 divulgou a existência de processos envolvendo pacientes com câncer e a USP. Eles pedem que a universidade continue fornecendo as cápsulas da substância, mas uma nova norma da instituição impede a distribuição sem o registro na Anvisa.
Segundo a agência, o registro de um novo medicamento só pode ser solicitado após testes clínicos e os pesquisadores da USP afirmam que a substância foi testada em um hospital em Jaú, mas a parceria acabou e eles precisam que uma nova unidade de saúde aceite concluir o estudo.
Fonte: Agora
****
Fonte:http://br29.com.br/a-incrivel-historia-do-brasileiro-que-descobriu-a-cura-do-cancer-e-foi-preso/#

Pesquisa identifica comportamento dos usuários do Twitter

07.09.2015
Do portal OBSERVATÓRIO DA IMPRENSA, 01.09.15

Nove em cada dez usuários do Twiter utilizam o sistema de micro mensagens para cessar noticias, e 74% deles o fazem de forma regular diariamente. É o sistema preferido pelas pessoas cm menos de 35 anos para acessar notícias e ¾ dos usuários seguem jornalistas, comentaristas e formadores de opinião.
É o que mostrou uma pesquisa feita pelo American Press Institute em colaboração com a empresa Twitter reunindo 4.713 pessoas, das quais 469 não usam o sistema de micromensagens. A principal conclusão do estudo, avalisado por Tom Rosenstiel, é a de que o Twitter passou a ser a principal fonte de acesso as noticias de atualidade (hard News).
Veja a seguir as principais conclusões (em inglês) do estudo que está disponível aqui em versão PDF:
Among the findings from the study:
  • Nearly 9 in 10 Twitter users in the study (86%) say they use Twitter for news, and the vast majority of those (74%) do so daily.

  • Roughly the same number of people say they use Twitter to be alerted to breaking news (40%) as to keep up with the news generally (39%).

  • Three quarters of Twitter news users follow individual journalists, writers and commentators (73%) and nearly two thirds follow institutional accounts (62%). Twitter users also are very likely to discover new journalists and writers and consequently follow their work, often on other platforms beyond Twitter.

  • Fully 94% of Twitter news users get their news either through scrolling their timelines or browsing tweets of those they follow. Other features are used far less often: For instance just 34% of Twitter news users say they get news from trending topics and 30% use search.
  • 82% of Twitter users access the platform on their phones and many access Twitter across multiple devices.

  • A majority of non-Twitter users (51%) have seen tweets. 45% on TV, 33% from friends, 27% in news articles they read, 22% from going to twitter.com without signing up, 12% from search and 8% in a newspaper.

Twitter funded the study but granted API researchers independence to develop the survey questionnaire. DB5 conducted the survey between November 23 and December 15, 2014 and tabulated results. API analyzed the data and produced this written report. All topline results with questionnaire are available to the public, as well as a more detailed methodology.
******
Fonte:http://observatoriodaimprensa.com.br/curadoria-de-noticias/pesquisa-identifica-comportamento-dos-usuarios-do-twitter/

Luz verde de Merkel a migrantes divide conservadores na Alemanha

07.09.2015
Do portal da Agência Reuters, 06.09.15
Por Michael Nienaber

BERLIM (Reuters) - A decisão da chanceler Angela Merkel de permitir que milhares de migrantes retidos na Hungria entrem na Alemanha causou um racha em seu bloco conservador neste domingo, quando seus aliados bávaros acusaram Merkel de dar "um sinal totalmente errado" para a Europa.
A disputa eclodiu após Áustria e Alemanha terem aberto suas fronteiras para milhares de exaustos migrantes levados de ônibus para a fronteira da Hungria por um governo de direita do país, preocupado com o número de pessoas.
 A Alemanha espera um fluxo recorde de 800.000 migrantes e refugiados neste ano, de longe o mais alto na União Europeia. Mais de 100.000 requerentes de asilo foram registrados somente em agosto. A maior e mais rica economia da Europa atrai muitos migrantes, que muitas vezes têm parentes que já vivem no país.
    Merkel e o presidente húngaro Viktor Orban haviam concordado por telefone que a decisão de permitir que os refugiados - muitos vindos da guerra civil da Síria - atravessassem as fronteiras era um gesto um temporário feito por razões humanitárias, disse um porta-voz do governo alemão.
    Mas o ministro do Interior da Bavária, Joachim Herrmann, cujo partido União Social Cristã (CSU) é irmão dos Cristão Democratas (CDU), de Merkel, acusou-a de ter seguido em frente sem pedir aos Estados da Alemanha, que têm que lidar com o fluxo de migrantes.
    O governador da Bavária, Horst Seehofer, e outros líderes da CSU acordaram em uma conferência por telefone que a luz verde de Merkel aos migrantes presos na Hungria havia sido uma "decisão errada por parte do governo federal", noticiou o jornal Bild am Sonntag.
Já o partido de centro-esquerda Social Democrata, também parceiro de Merkel na "grande coalizão", se apressou em defendê-la, com a secretária-geral Yasmin Fahimi classificando a decisão da chanceler de "a única coisa certa a ser feita".
A coalizão de Merkel deve acordar uma série de medidas ainda neste domingo, incluindo a redução da burocracia para facilitar a construção de abrigos, o aumento dos fundos para Estados e municípios e aceleração dos procedimentos de asilo.
*****
Fonte:http://br.reuters.com/article/worldNews/idBRKCN0R60TL20150906