Pesquisar este blog

segunda-feira, 8 de junho de 2015

OS NEOGOLPISTAS DIRÃO " FORA GLOBO"? Globo se complica no FBI: Valcke disse que FIFA escolheu emissora a dedo.

08.06.2015
Do blog OS AMIGOS DO PRESIDENTE LULA

http://www.fifa.com/about-fifa/news/y=2012/m=2/news=globo-buys-broadcast-rights-2018-and-2022-fifa-world-cupstm-1591131.html
Um comunicado da FIFA à imprensa, de fevereiro de 2012, complica bastante as explicações que a TV Globo precisa dar ao distinto público e às autoridades policiais sobre até onde vão suas relações com a cartolagem do futebol investigada pelo FBI por corrupção.
A FIFA anunciou naquela data que a entidade havia negociado com a TV Globo um acordo para os direitos de transmissão pela tv das Copas do Mundo de 2018 (Rússia) e 2022 (Catar).

No texto, publicado em seu site oficial, quem falou pela FIFA foi Jorome Valcke, secretário-geral da FIFA investigado pelo FBI. E quem falou pela Globo foi o presidente das Organizações Globo, Roberto Irineu Marinho. Nem a Traffic, nem J. Hawilla, nem nenhuma outra empresa intermediária de marketing ou empresário são citados com participantes do acordo Globo-FIFA.

Segundo o FBI, o dinheiro vindo dos contratos com tvs abasteciam as propinas aos cartolas ao passar por empresas de marketing. No caso ISL da Copa de 2002, o dinheiro pago pela Globo à ISL acabou abastecendo contas de Ricardo Teixeira e João Havelange no paraíso fiscal de Luxemburgo.

A falta de motivos racionais para os dirigentes da FIFA fazerem acordos mas não assinarem contratos diretamente com as emissoras de TVs leva os investigadores a suspeitarem que o objetivo de usar empresas de marketing era apenas para operar o pagamento das propinas.

Jerome Valcke fez uma declaração na época que não deixou margem de dúvida de que a escolha da Globo foi uma escolha a dedo, uma decisão direta da cartolagem da FIFA, hoje investigada por receber propinas sobre estes contratos:

"A força da Globo na distribuição através de um território tão vasto como o Brasil garante que o torneio possa ser assistido por tantas pessoas quanto possível, e isso foi o fator determinante na nossa decisão de prorrogar o acordo com a Globo".

"Nossa decisão" (da cartolagem da FIFA) indica que os acordos de transmissão eram acertados diretamente pelos cartolas com a emissora. A expressão "prorrogar o acordo" reforça estes indícios, inclusive de que a prática vinha de longa data. O FBI afirma que o esquema de corrupção no futebol opera há pelo menos 24 anos.

No anúncio à imprensa, o presidente da Globo, Roberto Irineu Marinho, cita a "parceria muito frutífera entre a FIFA e a Globo por mais de 40 anos".

O texto contradiz a versão que a TV Globo tem divulgado em seus noticiários de que negociava com empresas de marketing seguindo regras de mercado (apesar de ganhar de concorrentes que ofereciam valores maiores), querendo descolar a imagem da emissora dos negócios com os cartolas.

Eis a tradução meia-boca da nota da FIFA:

TV Globo compra direitos de transmissão para 2018 e 2022 Copas do Mundo da FIFA

A FIFA tem o prazer de anunciar a extensão do seu acordo de direitos de transmissão com a emissora brasileira Globo para a Copa do Mundo da FIFA 2018 na Rússia e a Copa do Mundo da FIFA 2022 no Catar.

O acordo com a maior empresa de mídia do Brasil cobre cabo, satélite, terrestre, transmissão de internet móvel e banda larga em todo o país.

"A força da Globo na distribuição através de um território tão vasto como o Brasil garante que o torneio possa ser assistido por tantas pessoas quanto possível, e isso foi o fator determinante na nossa decisão de prorrogar o acordo com a Globo ", disse Jérôme Valcke, secretário geral da FIFA.

"Por mais de 40 anos, FIFA e Globo desenvolveram uma parceria muito frutífera, levou a recompensas significativas para ambos. Durante todos esses anos, a FIFA conseguiu fazer do futebol o esporte mais popular com uma enorme audiência em todo o mundo e Globo é muito orgulhoso de ser parte disso. A coisa mais importante para a Globo é permitir que nossos telespectadores a fazer parte dos torneios como se estivessem em campo se. Por essa razão, nós estamos orgulhosos de prolongar esta parceria ", disse o presidente e CEO da Globo Roberto Irineu Marinho.

Globo, uma parceira de transmissão da Fifa desde 1970, comprometeu-se com sua presença e cobertura sem precedentes da Copa do Mundo FIFA 2014 no Brasil, incluindo a televisão aberta, tal como acordado entre as duas partes e em conformidade com as políticas de distribuição da FIFA.

Globo está entre as maiores empresas de radiodifusão no mundo e é uma empresa inovadora na produção do futebol que consistentemente oferece aos fãs do futebol brasileiro com as melhores imagens e aplicações possíveis.
*****
Fonte:http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com.br/2015/06/globo-se-complica-no-fbi-valcke-disse.html