terça-feira, 29 de dezembro de 2015

Serão os ataques de ódio uma receita “made in USA”?, por Ivo Pugnaloni

29.12.2015
Do portal JORNAL GGN,28.12.15
LUIS NASSIF ON LINE

Mulher xinga brasileiros de terroristas. Fenômeno importado?
Do blog Desenvolvimentistas
por Ivo Pugnaloni
Os ataques de ódio sofridos por Chico Buarque são matéria de altíssima repercussão nas redes sociais.
Mas será que eles são um produto Made in Brazil ou importados?
Quem assistir o ataque de ódio racista publicado pelo jornal inglês Daily Mirror, mostrando o que uma cidadã norte-americana fez a dois brasileiros que estavam na Flórida terá a mesma dúvida.
Afinal, nós estamos importando ou exportando essa praga?
Vejam com atenção.
Ela para o carro, e desce do seu carro já gritando que eles são “terroristas, sacos de merda” e cobrindo-os de injúrias, como querendo chamar a atenção dos passantes para ajudá-la a prender os “terroristas” que mais parecem garotos normais, inclusive vestem camisetas com a bandeira americana, como muitos jovens brasileiros, que gostam muito mais dela do que da brasileira.
Mas nem o “disfarce de americano” salvou os nossos patrícios. A mulher, aparentemente uma pessoa normal, em segundos transforma-se em um quase-animal, que xinga, ataca, ofende e ameaça a segurança dos rapazes brasileiros.
Parece mesmo ser o mesmo produto da campanha de ódio e de intolerância que invade o Brasil, comandada e difundida pelos mais importantes meios de comunicação social. E pelo jeito, seguindo uma mesma receita “made in USA”. O mesmo “manual de instruções”. A mesma linguagem de horror ao diferente, que não consegue nem parar para ouvir o que dizem os meninos, quando afirmam que são do Brasil. Ela está convencida de que são “terroristas” do oriente médio e pronto. Não escuta nada mais. Está possuída pelo ódio. E tem o mesmo comportamento típico dos coxinhas-zumbis do Brasil que estão convencidos que “petista é ladrão” , “merda” e pronto.
Uma receita psico-social de ódio  que em doses diárias nos noticiários e programas “policiais” aos poucos vai transformando pessoas normais e pouco interessadas em política em animais raivosos e selvagens, um tipo de zumbis, controlados pela TV e pelas redes sociais. Prontos a atacar qualquer “inimigo” que aparecer esperando que outros zumbis, na mesma hora, parem o que estão fazendo, parem de andar na rua, para linchar o inimigo…
*****
Fonte:http://jornalggn.com.br/noticia/serao-os-ataques-de-odio-uma-receita-%E2%80%9Cmade-in-usa%E2%80%9D-por-ivo-pugnaloni
Postar um comentário