segunda-feira, 20 de julho de 2015

O mato sem cachorro no Congresso

21.07.2015
Do blog O CAFEZINHO, 20.07.15
Por Miguel do Rosário


478773-970x600-1
Diante das perspectivas no Congresso Nacional, só nos resta ecoar as palavras que Dante pendurou na porta do Inferno:
"Ó vós que entrais, deixai qualquer esperança!"
Minha oposição ao Cunha não é por delação em Lava Jato, a qual precisa ser provada, pois apesar de Cunha ser o que é, não podemos deixar que a política brasileira fique em mãos da ditadura midiático-judicial.
Minha oposição é por conta de suas ideias, seu golpismo, seu mau caratismo político.
Leiam o texto abaixo.
***
Por Ismael de Freitas, em seu Facebook.
(Dica do @jornalismowando e @leoboechat)
Mato sem cachorro. Sem nenhum cachorro. Nenhum mesmo.
Caso o eduardo cunha seja afastado da presidência da câmara, coisa que pra mim é inevitável e inexorável, quem assume é Waldir Maranhão.
Esse fofo lindo é investigado na lava jato acusado de receber mensalmente entre 30 mil e 50 mil reais. delatado pelo youssef. Em 2010 declarou que não tinha dinheiro em conta pra campanha e mesmo assim doou 500 mil reais pra sua própria campanha. Diz aí, não é um mimo esse cara?
Bem, vamos dizer que esse também caia fora, quem assume é o nosso querido adorado sortudo e iluminado por deus, Giacobo, aqui do Paraná.
Essa gracinha ganhou 12 vezes na loteria em um espaço de 14 dias. Também teve prescritas ações no STF por falsidade ideológica, formação de quadrilha e sonegação de impostos através de formação de empresas fantasmas. Quando prescreveram, ainda tirou sarro do STF dizendo algo como: a justiça foi feita, ficaram sentados em cima das ações por mais de dez anos.
Caso esse três sejam impedidos, entra em ação Beto Mansur. O primeiro nome já diz tudo né, mas vamos falar um pouco sobre esse bebezinho xuxuzinho. Foi autuado por trabalho escravo e condenado por usar recursos públicos para promoção pessoal. Responde a pelo menos 35 processos por irregularidades em licitações em Santos, onde foi prefeito. Detalhe hilário, essa informação consegui no site da Veja. não é xuxu demais???
Em quinto na linha de sucessão, está Felipe Bornier, o menos sujo, mas não menos cuti-cuti membro da mesa diretora da câmara. É acusado de fraude em sua campanha eleitoral com excesso de anúncios nos jornais O Dia e ABC Diário. Praticamente a madre tereza perto de seus amiguinhos.
Logo depois vem Mara Gabrilli, que até merece respeito por não ter seu nome envolvido em algum escândalo de corrupção. No entanto, veja só que dodoizinho essa moça, ela acusa o PT de ter matado seu pai com um aneurisma cerebral. Uma fofa, enfim.

Por fim, vem nosso chegado conterrâneo Alex Canziani. Respondeu e foi inocentado de processos em Londrina e no Congresso, acusado de receber verba do mensalão do PT através daquele outro lindo que cumpre pena por seu réu confesso, o Bob Jef.
Na primeira suplência, vem Mandetta, do DEM, o thuthuco que é o maior inimigo do programa Mais Médicos. Claro, ele é médico, esse bebezinho butitinho.
Ai vem Gilberto Nascimento, envolvido em denúncias sobre o escâncalo das ambulâncias (operação sangue-suga) foi inocentado posteriormente. Questionado sobre a indicação do nome do filho para cargos comissionados, disse que acha isso super normal e lindo e maravilhoso e joia e bacana e legal e fofucho.
aí meus amigos, depois dessa vasta lista, aparece, na terceira suplência, a deputada Luiza Erundina, que até agora ainda não entendi como permitiu incluir seu nome nessa chapa. Enfim, que caia cunha e que suba Erundina. dalhe braziu ziu ziu
*****
Fonte:http://www.ocafezinho.com/2015/07/20/o-mato-sem-cachorro-no-congresso/#more-30134
Postar um comentário