sábado, 14 de fevereiro de 2015

Globo, a TV da Ditadura, atribui afundamento da P-36 à Dilma

14.02.2015
Do blog TIJOLAÇO
Por Miguel do Rosário

p36
Quando você pensa que já viu tudo, quando o festival de mentiras e manipulações parece ter atingido o máximo, eis que a Globo nos brinda com uma mentira ainda mais grotesca.
A internauta @lolaspfc, assistindo Globonews, fotografou o momento em que a Globonews “errou” a data do acidente da P-36, informando que ele teria ocorrido em 2011, no primeiro ano do governo Dilma, quando todos sabem que ele aconteceu em 2001, penúltimo ano do governo do presidente Fernando Henrique Cardoso, do PSDB.
A notícia foi dada para “lembrar” acidentes anteriores da Petrobrás, durante reportagens para contextualizar o incêndio num navio-plataforma (pertencente à uma empresa norueguesa, é bom salientar) no litoral do Espírito Santo, ocorrido há alguns dias.
Errar em 10 anos a data do maior acidente da história da Petrobrás me parece um pouco demais, até mesmo para a Globo.
É o tipo de erro que só acontece de um lado.
E ele ocorre na mesma época em que uma diretora da Globo envia mensagem escrita para todos os editores, ordenando a remoção de qualquer menção ao nome de FHC em denúncias contra a Petrobrás.
Aliás, tem outra. Na mesma Globonews (mostrando que a ordem da diretora foi cumprida), as chamadas que se referem aos problemas da Petrobrás na era tucana foram designadas como problemas ocorridos em “período que antecede o governo petista”.
Captura-de-Tela-2015-02-12-às-22.33.20-e1423787662300
Maneira brilhante de, mesmo quando se refere a crimes cometidos em era tucana, marcar na mente do telespectador apenas o nome do PT.
Então estamos combinados, amigos. A crise cambial de 1999, a explosão do desemprego e recessão que ocorreram nos anos de 1999, 2000 e 2001, as tentativas de privatizar a Petrobrás, implantar a Alca, e construir plataformas de petróleo em Cingapura e Coréia do Sul (e não no Brasil), não se deram durante o governo FHC, mas no “período que antecede o governo petista”.
A fonte da primeira denúncia é o blog da Maria Fro, o da segunda, oContrapontonews.
*****
Fonte:http://tijolaco.com.br/blog/?p=24758
Postar um comentário