Pesquisar este blog

sábado, 6 de outubro de 2012

BMG É PARA PEGAR O LULA. ELE DOMINAVA OS FATOS

06.10.2012
Do blog CONVERSA AFIADA
Por Paulo Henrique Amorim

Como condenar um Presidente da República por fatos tão distantes da decisão dele, longe de um ato de ofício dele ?


Liga o Vasco, navegante de longo curso, que está no rio Reno, na companhia de um Riesling,  num iate de significativo nome: “dominio do fato”.

- Vasco, quer dizer que você está por cima da carne seca: dominando os fatos.

- Meu filho, dê-me um domínio do fato e eu governarei o mundo…

- Você exagera,Vasco, dominio do fato é para situações excepcionalíssimas,

- Sim, claro, quando se trata de Golpe de Estado. Quer mais excepcional do que isso ?

- É verdade. A Alemanha de Goethe faz bem à tua cabeça. Goethe e o Riesling.

- Seria melhor falar do Fuhrer, o Mestre do Dominio do Fato.

- Heidegger talvez nao concorde, Vasco.

- Heidegger é suspeito.

- Você tem razão.

- O problema é quando o dominio do fato cai na mão do delegado de polícia de Cascadura.

- Ou de Diamantino.

- Calma, calma, olha a intimidade !, adverte o Vasco, sempre muito respeitoso.

- Mas, Vasco, o que te aflige ?

- Meu filho, já armaram a cilada para pegar o Lula.

- Qual delas ?

- Repare nesse noticiario da Folha que, segundo você, “redescobre” o notável banqueiro Daniel Dantas .

- Notável ! É o nosso J P Morgan !

- Sem exageros. Veja bem. Lá no canto, recatadamente adormecida, está a informação sobre os “repasses ao BMG”. Repasses que estariam sob investigação da Justiça de Minas.

- E daí, Vasco ?

- Isso é a senha : “tal dia é o batizado”.

- Não to entendendo nada, Vasco.

- Repasses ao BMG e operações de crédito consignado do Banco Rural são o caminho que leva ao degredo do Lula numa prisão de seguranca máxima.

- Calma, Vasco.

- Aquele que você chama de Ataulfo Merval de Paiva …

- Sim, um jenio !

- Esse jenio – revisor, por favor, quero com “j”. Obrigado – já anunciou: a relacao do Governo Lula com os bancos citados no mensalão é a cicuta que o Lula tera de beber.

- Quer dizer que, se quiser, Lula não se candidata em 2014, nem faz campanha para a Dilma.

-  Vai fazer campanha de dentro do cárcere.

- Mas, não entendo, Vasco. Como condenar um Presidente da República por fatos tão distantes da decisão dele, longe de um ato de ofício dele ?

- Porque ele tinha o dominio do fato.

- Que fato, Vasco?

- Dos fatos que a Globo lhe imputar.

Pano rápido.

Paulo Henrique Amorim


*****