domingo, 8 de julho de 2012

BLOG MOBILIDADE URBANA: Metrópole em movimento


08.07.2012
Do blog  MOBILIDADE URBANA
Por Tânia Passos


O Diario inicia hoje uma série, onde mostra as soluções que as metrópoles estão escolhendo para projetar os deslocamentos no futuro. Das 15 cidades, que vão receber a Copa do Mundo, todas estão apostando no modelo do BRT (sigla em inglês para Transporte Rápido por Ônibus). Raras exceções para o transporte ferroviário. A primeira cidade que visitamos foi Belo Horizonte, que tem a sexta maior população do país. Além do material de texto para o impresso, foi produzido também um vídeo  para mostrar o olhar da cidade para o transporte público. Acompanhe o resultado do material.

*****

Anderson Silva leva susto, mas se recupera e massacra falastrão Sonnen em Las Vegas

08.07.2012
Do DIARIO DE PERNAMBUCO, 
Por Vicente Ribeiro - Estado de Minas

Spider reage depois de passar dificuldade no primeiro round, mostra técnica e derrota novamente o grande rival no UFC, por nocaute técnico, a 1m55 do segundo assalto


Anderson Silva castigou o norte-americano e defendeu o cinturão com sucesso pela 10ª vez (Divulgação/Textual)
Anderson Silva castigou o norte-americano e defendeu o cinturão com sucesso pela 10ª vez

Anderson Silva mostrou a Chael Sonnen que é preciso muito mais que palavras e provocações para se tornar campeão do UFC. O Spider manteve o cinturão da categoria peso-médio com uma vitória fulminante no segundo round, por nocaute técnico, a 1m55, depois de passar susto no primeiro assalto, na luta principal da edição 148, na madrugada deste domingo, no MGM Grand Garden Arena, em Las Vegas.

Além de manter o cinturão na décima defesa, Anderson Silva conquistou a 15ª vitória consecutiva no UFC, se consolidando como o maior nome da organização na atualidade. O Spider encarou novamente o grande rival, depois de um triunfo dramático na edição 117, em agosto de 2010, quando apanhou em quase todo o combate e ganhou ao finalizar no fim, e mostrou por que é considerado o melhor de todos os tempos no octógono.

Depois de um momento de desconforto no primeiro round, quando Sonnen partiu para cima e usou bem o wrestling para pôr o Spider para baixo, Anderson se recuperou no segundo assalto. Com as conhecidas esquivas, jogo de cintura e muita força nos golpes, ele acertou uma joelhada que minou o adversário, além de um direto para praticamente garantir o triunfo no ground and pound, com 1m55.

Sonnen veio como azarão e, mesmo lutando nos Estados Unidos, sentiu as vaias em peso no MGM Grand Arena. Anderson entrou em cena e logo foi ovacionado, ao lado de seu staff – Steven Seagal, Rafael Feijão, Pedro Rizzo e até mesmo o campeão dos pesos-pesados Junior Cigano e o ex-atacante Ronaldo Fenômeno compareceram para dar uma força. No octógono, o Spider já demonstrava a habitual tranqüilidade, procurando se concentrar no combate e deixando o clima de revanche de lado.

Sonnen resistiu até o segundo round. No primeiro, levou vantagem ao ficar por cima, mas sem ser muito efetivo nos golpes. Parecia se importar mesmo em somar pontos. No segundo assalto, Anderson mostrou a técnica nas esquivas e a força nos diretos. Ele acertou em cheio o adversário duas vezes. Na segunda, Chael já estava entregue. Foi massacrado com uma sequência de socos no rosto e o árbitro Yves Lavigne encerrou o duelo. O Spider novamente levou a melhor contra o maior desafeto.

Tirando onda

Na entrevista depois da luta, Anderson demonstrou respeito com o adversário, mas sem deixar de tirar onda com Sonnen. “Ele tem os méritos dele, treina bem a vida inteira e gosta de pôr para baixo. Mas eu estava bem preparado, sem lesão, e minha responsabilidade de defender o Brasil era grande. Fiz o que podia para dar alegria ao povo brasileiro”, afirmou.

“Esse esporte é o melhor do mundo.Trabalhamos duro para vocês, nessa luta o Chael lutou contra mim, eu lutei contra ele. O Sonnen desrespeitou o meu país, mas tudo bem. Isso aqui é um esporte”, enfatizou o Spider, que chamou o rival para ficar ao seu lado e disparou: “Vou mostrar que o Brasil é um povo educado. Se eu fizer um churrasco lá em casa, vou te convidar”, acrescentou, para delírio dos brasileiros no MGM Grand Garden Arena.

Chael Sonnen mostrou resignação com a derrota. “Me deram a oportunidade, agradeço pela chance. Ele conseguiu me acertar um bom golpe, o resto todos viram”, comentou o norte-americano, que perdeu a revanche sem qualquer contestação.

****