Pesquisar este blog

sexta-feira, 4 de fevereiro de 2011

ITÁLIA QUER QUE O STF ANULE A DECISÃO DE UM PRESIDENTE BRASILEIRO!!!

04.02.2011
Do blog NÁUFRAGO DA UTOPIA


Deu na Folha.com: Itália pede que STF casse decisão pró-Battisti de Lula.

Em mais uma demonstração de menosprezo pela soberania e pelas instituições brasileiras, a Itália agora entrou com uma ação pedindo ao Supremo Tribunal Federal a anulação da decisão do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que recusou definitivamente o pedido de extradição do escritor Cesare Battisti.

Como bem notou o ministro Marco Aurélio de Mello numa das sessões de julgamento em 2009, a própria admissão da Itália como parte do processo -- e não apenas como requerente da repatriação -- já foi descabida e ultrajante.

Ocorre que, pela lei e pela jurisprudência brasileiras, desde o primeiro momento se evidenciava que a extradição não poderia ser concedida. Mas, dois ministros do STF ideologicamente motivados se propuseram a impor por quaisquer meios o atendimento do pedido italiano, passando como um trator por cima de nossas tradições jurídicas e das atribuições constitucionais de cada Poder.

Na escalada de arbitrariedades cometidas ou inspiradas por Gilmar Mendes e Cezar Peluso, as mais graves foram:

a manutenção da prisão de Battisti depois que o ministro da Justiça lhe concedeu refúgio humanitário, apenas e tão somente porque o relator-lichador e o presidente-linchador tinham a esperança de reverter a decisão adiante;

a produção do relatório mais parcial de toda a história do STF, com as principais alegações da defesa sendo tendenciosamente ignoradas, inclusive as evidências de que Battisti fora condenado à revelia (pois representado por advogados que com ele tinham conflito de interesses, munidos de procurações forjadas), de que o serviço secreto italiano tramou seu assassinato no exterior e de que é falsa a promessa do Governo Berlusconi de adequar a sentença italiana ao máximo permitido pelas leis brasileiras em casos de extradição (30 anos), pois inexiste dispositivo legal que lhe permita alterar uma decisão final do Judiciário de lá;

a revogação, na prática, da Lei do Refúgio, usurpando as prerrogativas de legislar (do Congresso Nacional) e de decidir refúgio (do ministro da Justiça);

novo desacato a decisão de outro Poder, quando o presidente Lula liquidou de vez a questão, com pleno direito (reconhecido pelo próprio STF) de o fazer.

Cesare Battisti é prisioneiro político no Brasil há quase quatro anos.

Pior: não há a mais remota justificativa jurídica para sua permanência no cárcere desde o último dia 31 de dezembro.

Nas últimas cinco semanas ele está submetido a prisão ilegal por ordem e a mando de Peluso, cuja atitude comporta uma única explicação, dada pelo maior jurista brasileiro vivo, Dalmo de Abreu Dallari: sua "vocação arbitrária".

Então, foram ainda brandos os advogados de Battisti, que acabam de acusar Peluso de "constrangimento ilegal", por recusar-se a "executar ato formal de sua competência". O termo correto é sequestro.

Ele especula agora com a hipótese de conseguir que o STF revogue uma decisão presidencial consistente e incontestável, submetendo o Executivo a uma tutela togada que detonaria o equilíbrio de Poderes e colocaria o Brasil no caminho da turbulência institucional e do golpismo.

As informações de bastidores de que disponho, todas as avaliações embasadas que ouço e minha própria sensibilidade coincidem no sentido de que Peluso e Mendes não serão acompanhados pelos demais ministros do Supremo nessa aventura de gravíssimas consequências.

Mas, ficando comprovado que ministros da mais alta corte do País trocaram as fronteiras nacionais pelas ideológicas, atentando contra as instituições brasileiras para promover interesses estrangeiros afinados com suas devoções políticas, será o caso de, adiante, pensar-se seriamente no seu impeachment.

Em nome da dignidade nacional
****
Fonte:http://naufrago-da-utopia.blogspot.com/2011/02/caso-battisti-italia-pede-ao-stf-que.html

Dilma Rousseff: “Memória é a arma humana para impedir a repetição da barbárie”

04/02/2011
Do BLOG LEITURAS DO FAVRE




Discurso da presidenta Dilma na cerimônia alusiva ao Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, em Porto Alegre (RS)

“O Holocausto não é nem nunca será apenas um momento histórico. Ele abre no mundo uma determinada prática de trato do opositor político, que consiste em não apenas calá-lo, mas reduzi-lo à sub-humanidade, pela tortura, a dor e a morte lenta (…). O dever de memória não deve se confundir com a passividade da simples lembrança. Ele expressa a firme determinação de impedir que a intolerância e a injustiça se banalizem no caminho da humanidade. A memória é a arma humana para impedir a repetição da barbárie”, declarou a Presidenta Dilma Rousseff na solenidade do Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto, nesta quinta-feira à noite, em Porto Alegre.

“Nosso dever é não compactuar com nenhuma forma de violação dos Direitos Humanos em qualquer país, em especial o Brasil”, reiterou Dilma. Ela condenou atos de intolerância, discriminação e aversão ao outro e ao diferente. Pediu, a todos aqueles que não sofrem perseguições, “solidariedade e coragem” para se manifestar contra as práticas da barbárie. E ressaltou que devemos nos esforçar para aprimorar o convívio, o diálogo e o respeito a todas as minorias.

A presidenta homenageou o povo judeu, cuja “resistência cultural e religiosa pavimentaram o caminho para uma pátria física, direito que não pode ser negado a nenhum povo”. E afirmou que a “tradição e dignidade dos judeus integram de forma especial a nacionalidade brasileira”.

Dilma foi a última e principal oradora da solenidade promovida pela Conib em parceria com Federação Israelita do Rio Grande do Sul, que teve a presença dos governadores Tarso Genro, do Rio Grande do Sul, e Jaques Wagner, da Bahia; dos ministros Fernando Bezerra, da Integração Nacional; Maria do Rosário, da Secretaria dos Direitos Humanos; dos prefeitos de Porto Alegre, José Fortunatti, e de São Paulo, Gilberto Kassab; do embaixador de Israel, Giora Becher; dos presidentes da Conib, Claudio Lottenberg; da Federação Israelita do Rio Grande do Sul (FIRS), Jarbas Milititsky; do Congresso Judaico Latino-Americano, Jack Terpins; e da Federação Israelita do Estado de São Paulo, Boris Ber; entre outras autoridades políticas, diplomatas, intelectuais, rabinos e líderes comunitários.

Claudio Lottenberg elogiou a preocupação da presidenta com os Direitos Humanos, com as vítimas de perseguições, com a liberdade de orientação sexual, os direitos da mulher e o direito à liberdade religiosa. E acrescentou: “Como presidente da Confederação Israelita do Brasil, tenho a obrigação de lutar contra todos os negadores do Holocausto. Como líder de uma comunidade que participa intensamente da vida brasileira, tenho o dever moral de me alinhar aos que preservam a democracia e aos que lutam contra os intolerantes. Sobretudo, devo apoiar aqueles que respeitam a diversidade. A senhora sabe, melhor do que todos nós, o que é ser torturada e o que significa ter os seus direitos de expressão subtraídos”. Antes da cerimônia, ele expressou satisfação em saber que a presidenta tem posição diferente, em relação ao Irã, daquela que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva manifestou no passado.

“Hoje, no mundo inteiro, fazemos questão de lembrar o Holocausto, para que ele não se repita. Não vamos mais nos calar”, disse o presidente da FIRS, Jarbas Milititsky, ressaltando que o mundo assistiu calado aos horrores do Holocausto.

O governador Tarso Genro disse que a comunidade judaica terá, em sua gestão, “braços acolhedores”. “Este é um dia de construção de valores, tão bem defendidos pelos judeus”, afirmou. O prefeito José Fortunatti lembrou que Porto Alegre é a primeira cidade do País a instituir a disciplina de estudos do Holocausto nas escolas municipais, com o objetivo de “criar um ambiente de reflexão em torno de temas como a intolerância e a discriminação, de modo que se possa construir um País mais solidário, humano e tolerante”.

O ex-chanceler Celso Lafer, um estudioso da filósofa Hanna Arendt, citada mais de uma vez pela presidenta, elogiou a fala de Dilma pela “reiterada manifestação contra as violações dos Direitos Humanos em qualquer país”. Lafer citou o fato de a presidenta lembrar que o Holocausto instituiu a tortura como método de desumanização em escala industrial, do que se aproveitaram governos e regimes em várias partes do mundo depois da Segunda Guerra “fazendo muitas vítimas, como ela, por exemplo”.
****
Fonte:http://blogdofavre.ig.com.br/2011/02/dilma-rousseff-memoria-e-a-arma-humana-para-impedir-a-repeticao-da-barbarie/

PIG finge que não viu programa do PSDB

04.02.2011
Do BLOG DA CIDADANIA
Por Eduardo Guimarães


A prova final e cabal do fracasso do programa do PSDB levado ao ar ontem à noite em rede nacional de rádio e tevê reside no curioso fato de que a grande mídia simplesmente fez de conta que não viu aquela peça patética contendo o caradurismo mais deslavado.

Para provar isso, fui ao Google e fiz uma busca da expressão mais inescapável para localizar textos escritos sobre o primeiro programa de um grande partido neste ano. Por óbvio, refiro-me à expressão “programa do PSDB”. E, para refinar a busca, restringi às últimas 24 horas.

Obtive 10.800 links sobre o assunto. Na imagem acima, reproduzo página do Google contendo os 10 textos mais lidos sobre o tema nas últimas 24 horas, no momento dessa busca (15 horas e 5 minutos de 4 de fevereiro de 2011).

Essa primeira página do Google contendo busca sobre o que foi o programa do PSDB não mostra um único link que leve a um grande meio de comunicação. Os dois resultados para o jornal O Globo remetem a notícias anteriores à exibição daquele programa.

Há unanimidade quanto ao desastroso programa tucano. Nem Reinaldo Azevedo gostou, ainda que sua queixa tenha sido mais por terem escondido Serra e para atacar Sergio Guerra. Todavia, também se espantou com o desfile de “descolados” e com o “auditório” de FHC.
***
Fonte:http://www.blogcidadania.com.br/2011/02/pig-finge-que-nao-viu-programa-do-psdb/

Desejo é que o governador inaugure viadutos até junho

03/02/2011
Do blog JORNAL VANGUARDA


A meta principal do secretário Isaltino Nascimento, do vice-governador João Lyra Neto, da presidente do DER, Eryka Luna, e do prefeito José Queiroz é que os quatro viadutos da área urbana de Caruaru sejam inaugurados no dia 31 de maio, antecedendo a abertura do São João de Caruaru, que começa no dia 04 de junho. O representante do consórcio responsável pela obra afirma que para cumprir este prazo seria preciso mudar de forma drástica o fluxo de veículos nas áreas das obras. O impasse agora é exatamente o fechamento da BR-104.

Para evitar prejuízos, os empresários não concordam com a interdição da área. O consórcio promete carga total para cumprir os prazos, contanto que não exista fluxo de veículos. A intenção é que a população possa perceber um trabalho intenso na obra de duplicação, com homens trabalhando no turno da noite e nos finais de semana. Para cumprir o prazo de 90 dias, o consórcio diz que é preciso definir o que fazer para deixar a área livre. O consórcio se compromete a entregar os viadutos até o dia 10 de junho, mas o Governo quer antecipar o prazo para o dia 31 de maio.
****
Fonte:http://www.blogdovanguarda.com.br/index.php?pagina=arquivo&id=2522

Reunião do Comitê Gestor das Obras da BR-104 tem novo local

03.02.2011
Do blog JORNAL VANGUARDA

A reunião do Comitê Gestor de Duplicação da BR-104 na tarde desta quinta-feira (03) tem novo local. Ao invés de acontecer no imóvel da rua Arlindo Porto, 127, no Bairro Maurício de Nassau, foi transferida para a Sala de Situação, que foi montada no prédio da avenida Rio Branco, onde estão instaladas diversas secretarias e órgãos da Prefeitura de Caruaru. O horário está mantido, às 15h, logo após o secretário Isaltino Nascimento participar do programa "Cultura Entrevista", que vai ao ar pela Rádio Cultura do Nordeste e começa às 13h30.

A presidente do Departamento de Estradas e Rodagens (DER), Eryka Luna, também deve participar da reunião do comitê, que é presidido pelo prefeito José Queiroz e reúne contratantes e executores da obra, além de empresas com interface nos serviços. Na duplicação da BR-104 que está sendo feita na BR-104 nos 53 quilômetros que ligam os municípios de Caruaru a Santa Cruz do Capibaribe já foram gastos R$ 123 milhões do total de R$ 304 milhões a serem empregados.
****
Fonte:http://www.blogdovanguarda.com.br/index.php?pagina=arquivo&id=2520

Comitiva do Governo do Estado vistoria obras da BR-104 Integram a comitiva o vice-governador João Lyra Neto, o secretário estadual de Transportes,

03.02.2011
Do blog JORNAL VANGUARDA



Integram a comitiva o vice-governador João Lyra Neto, o secretário estadual de Transportes, Isaltino Nascimento, e a presidente do Departamento de Estradas e Rodagens, Eryka Luna. Eles estão percorrendo os canteiros de obras ao lado do prefeito José Queiroz, do vice Jorge Gomes, do presidente da Câmara, Lícius Cavalcanti, entre outros.
****
Fonte:http://www.blogdovanguarda.com.br/index.php?pagina=arquivo&id=2518

RODOVIA: Duplicação da BR-104 deve ser acelerada

04.02.2011
Do JORNAL DO COMÉRCIO
Pedro Romero
promero@jc.com.br


Veículos leves não vão passar pelo trecho urbano da obra

CARUARU – Uma reunião realizada ontem na sede do comitê gestor definiu estratégias para acelerar as obras de duplicação da BR-104, principalmente no trecho urbano de Caruaru, onde existem os maiores gargalos da rodovia. A principal ideia é restringir o tráfego de veículos leves para tentar concluir um trecho de sete quilômetros até junho. Na ocasião, o secretário de Transportes, Isaltino Nascimento, informou que ainda este mês o governo federal deve passar a chancela da BR-104 entre Caruaru e Agrestina para o governo do Estado. Esse é o primeiro passo para a duplicação da rodovia no novo trecho.

Depois de muita discussão, ficou definido que, no próximo dia 9, uma comissão vai visitar os locais mais problemáticos, com o objetivo de buscar alternativas para minimizar os prejuízos dos comerciantes situados às margens da rodovia. De acordo com os técnicos do consórcio que realizará a obra – Delta Construtora, Queiroz Galvão e Galvão Engenharia –, com o atual nível de tráfego de veículos, as obras de duplicação do trecho, onde estão sendo construídos quatro viadutos, não serão entregues até junho, quando começa o São João da cidade. Outra preocupação é o grande movimento previsto na Semana Santa, com a realização do espetáculo da Paixão de Cristo, em Nova Jerusalém.

A definição das alternativas de tráfego de veículos leves na área será feita pela Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes de Caruaru (Destra) e Polícia Rodoviária Federal. A expectativa é que em um mês todas as mudanças estejam concluídas e as obras entrem em ritmo acelerado.

“Estamos trabalhando para dar celeridade às obras, causando o mínimo de transtornos para à população”, destacou Nascimento. Ele lembrou que a falta de recursos, uma das queixas do consórcio, já foi resolvida com a liberação de R$ 46 milhões no mês passado. As empresas também se comprometeram a ampliar o número de equipamentos e de pessoal e intensificar os trabalhos durante a noite e nos finais de semana.

Além do secretário, o evento contou com a presença de representantes do consórcio responsável pelas obras, do vice-governador João Lyra Neto, do prefeito José Queiroz e diretores de diversos órgãos. Representantes de lojistas se disseram preocupados com a restrição de veículos leves no trecho urbano de Caruaru.

AGRESTINA

Durante o encontro em Caruaru, Isaltino Nascimento também adiantou detalhes da duplicação da BR-104 em dois novos trechos. O primeiro fica entre o distrito de Pão de Açúcar e a divisa de Pernambuco com a Paraíba e tem 19,8 quilômetros. O investimento será de R$ 140 milhões. O segundo trecho da rodovia a ser duplicado fica entre Caruaru e Agrestina, que também receberá um terminal da Ferrovia Transnordestina. São cerca de 14 quilômetros, num investimento de R$ 105 milhões. A expectativa é que as obras comecem em dezembro deste ano.

Fonte:http://jc3.uol.com.br/jornal/2011/02/04/not_410795.php

Guilherme irá dar posse aos suplentes dos partidos no dia que o governador nomear os deputados para os cargos de secretários

03.02.2011
Do BLOG DE INALDO SAMPAIO
Escrito por Inaldo Sampaio


Foto: Marília Auto
O presidente da Assembleia Legislativa, Guilherme Uchoa (PDT), já está com a decisão tomada. Na hora em que Eduardo Campos chamar os três deputados estaduais para fazerem parte do seu secretariado (Isaltino Nascimento, Raquel Lyra e Laura Gomes) ele chamará para substituí-los os suplentes dos partidos.

Textual: “No dia que o governador nomear (os secretários), tomo a decisão e mando publicar o ato no outro dia”, disse o presidente da Assembléia Legislativa.

Assim, já podem preparar a roupa da posse os suplentes Sebastião Rufino (PSB), Ciro Coelho (PSB) e Isabel Cristina.

Se a Câmara Federal tiver esse mesmo entendimento, a vaga de Danilo Cabral (PSB), futuro secretário das Cidades, será ocupada por Severino Ninho (PSB).
****
Fonte:http://maisab.com.br/blog/in.php?page=inBlog&idB=13244

Mandarim, o idioma dos negócios

6/1/2011
Do MSN NOTÍCIAS
Por Karina Gómez Pernas
Da Efe


Com 845 milhões de falantes nativos, o mandarim, língua oficial da China, se expande pelos países ocidentais, que veem no idioma o substituto do inglês no mundo dos negócios.

Desde a implementação das reformas de abertura econômica em 1978, a economia chinesa não deixou de crescer a passos gigantescos, duplicando seu Produto Interno Bruto (PIB) a cada sete ou oito anos, tirando centenas de cidadãos da pobreza, fortalecendo o setor privado e o turismo e, com isso, expandindo o conhecimento de sua cultura e idioma no exterior.

Como se isto não fosse suficiente, as projeções econômicas realizadas pelo Escritório Nacional de Pesquisa Econômica (NBER, na sigla em inglês) indicam que o PIB chinês até 2040 vai superar o do resto do mundo e o mercado chinês crescerá mais que o dos Estados Unidos, União Europeia, Japão e Índia juntos.

Levando isso em conta, como não era para menos, os estrangeiros deixaram de ignorar a pujança do dragão chinês para presenciar uma das histórias mais importantes do desenvolvimento econômico de nossos tempos.

Com alvos do Oriente


Perante esta realidade, os outros países, especialmente os ocidentais, não tiveram outra opção senão buscar compreender a cultura chinesa e estudar o idioma pelo qual serão fechados os contratos bilionários, se comunicarão os funcionários mais talentosos e será negociada a abertura de grandes multinacionais.

Este fato já vinha se evidenciando, embora mais por uma questão de segurança nacional, durante a Segunda Guerra Mundial, quando o governo dos EUA reconheceu a necessidade urgente de aprender idiomas estrangeiros menos comuns, tanto no Ensino Médio quanto no Superior.

"No final dos anos 80, a Fundação Geraldine Dodge proporcionou bolsas a 60 escolas secundárias para que adotassem o mandarim. Com isso, o cenário para o ensino deste idioma começou a mudar para o nível educacional primário e secundário", explica Yu-Lan Lin, diretora do programa de Idiomas Estrangeiros, implementado nas escolas públicas de Boston, nos EUA.

"Nos últimos anos, a demanda por este idioma cresceu exponencialmente. Este fato se reflete no mundo dos negócios todos os dias, onde a China vai abrindo mais sedes ou companhias em diferentes países. Por ali, os estrangeiros estão mais interessados não só em aprender o idioma, mas também sua cultura", comenta Diana Chang, professora de mandarim básico, radicada em Miami (EUA).
****
Fonte:http://noticias.br.msn.com/artigo.aspx?cp-documentid=27417976

PV vai instalar Conselho de Ética para punir Daniel Coelho

04.02.2011
Do BLOG DA FOLHA
Postado por Valdecarlos Alves


O PV estadual vai acionar nos próximos dias o Conselho de Ética do partido para punir severamente o deputado estadual Daniel Coelho. Ontem, o parlamentar divulgou carta aberta à população acusando a sigla verde de se vender ao governo estadual em troca de cargos comissionados e com duros ataques à gestão socialista, da qual o PV passou a ser integrante com direito a uma secretaria (Meio Ambiente e Sustentabilidade). A Executiva Estadual vem reunindo matérias publicadas em jornais e blogs e montará uma espécie de "dossiê" contra Daniel Coelho. O material será remetido para o Conselho de Ética e também para a Executiva Nacional. Ainda não se sabe o tipo de punição que será dada ao deputado, mas a expulsão não foi colocada em pauta nesse primeiro momento.

Segundo uma fonte verde, vários membros do partido têmfeito pressão para uma punição a Daniel e pedindo medidas urgentes para o caso. A mesma fonte acusa o deputado de nunca ter participado de reunião no PV e conta apenas com o apoio de uma integrante da executiva, sua funcionária de gabinete, Betânia Advíncula. "Ele não tem apoio de ninguém. Só conta com apoio de cargos comissionados", atacou um verde, da cor da Amazônia.
****
Fonte:http://www.blogdafolha.com.br/index.php/materias/16865-pv-vai-instalar-conselho-de-etica-para-punir-daniel-coelho

Após 33 anos, STJ encerra processo contra procurador pernambucano que atirou na mulher

04.02.2011

Do BLOG DE JAMILDO

A ministra Laurita Vaz, do STJ, de voto pela extinção do processo, em que o procurador Luis Fernando Dias dos Santos era acionado por tentar matar, com um tiro, a esposa Maria da Costa Carvalho. O caso arrastava-se nos tribunais há mais de 30 anos. No ano de 2005, a vítima, que havia ficado cega em função da agressão, acabou morrendo de câncer.

Veja os detalhes aqui.

O caso de Maria do Carmo é emblemático de como a jurisdição para casos de violência contra a mulher era bem pior.

De acordo com as informações da denúncia oferecida pelo Ministério Público de Pernambuco à Justiça, na noite de 15 de abril de 1978, a advogada Maria do Carmo da Costa Carvalho saiu em passeio com marido, o procurador Luiz Fernando Dias dos Santos. Próximo à Praia de Piedade, no Grande Recife, ele parou o carro e anunciou que iria matá-la.

Maria tentou fugir, mas foi impedida pelo companheiro, que a puxou pelos cabelos, colocou sua cabeça sobre a perna e atirou.

A bala atingiu a fonte direita da face da vítima, atravessou a cabeça até a perna do agressor e alojou-se no interior do veículo. Ela ficou cega em decorrência do tiro durante 26 anos e faleceu de câncer em 2005.Ela chegou a fazer quatro cirurgias no crânio, e, além de ficar cega, teve dificuldades na audição e problemas motores.

Segundo a denúncia do MPPE, discussões frequentes do casal culminaram no crime. O marido teria chegado a fazer uma ameaça de morte.

Após o disparo que feriu ambos, Luiz Fernando foi até o Hospital da Aeronáutica. Em função da gravidade do caso, a paciente foi encaminhada para o Hospital da Restauração. O acusado sustentou a versão de um assalto.

Mesmo bastante ferida, Maria informou que o marido a tentou matar. O radialista Gino César estava no hospital na hora da chegada do casal e ouviu as declarações da vítima. Segundo consta nos autos, ela teria dito que "não procurassem por assaltantes".

A denúncia contra o agressor só foi feita em 1984, seis anos depois do crime.

No ano passado, um novo júri tentou julgar a tentativa de homicídio, sem sucesso. Inicialmente, o caso foi julgado em 2000, mas manobras da defesa conseguiram que o acusado respondesse em liberdade.

Na época, o irmão do procurador era o secretário de Segurança Pública, Sergio Higino Dias dos Santos.

****

Fonte:http://jc3.uol.com.br/blogs/blogjamildo/canais/noticias/2011/02/04/apos_33_anos_stj_encerra_processo_contra_procurador_pernambucano_que_atirou_na_mulher_91160.php


Vídeo vergonhoso: Clinton desmoraliza FHC em público !

04/02/2011
Do blog CONVERSA AFIADA
Por Paulo Henrique Amorim


No dia seguinte à melancólica apresentação do Farol de Alexandria no horário eleitoral do PSDB, o site Amigos do Presidente Lula (que a dra Cureau quis tirar do ar)) exibe vídeo que envergonha o Brasil.

Numa solenidade pública na Itália, na frente de vários líderes do mundo, Bill Clinton (tido e havido como cumpincha do FHC) desmoraliza o Brasil.

Que o sistema financeiro brasileiro (do tempo do FHC) não era honesto.

Que a desigualdade social era inaceitável.

O Brasil não era exemplo para ninguém.

E se o Brasil quebrava, a culpa era do Brasil.

Isso tudo depois de o Farol ter tentado vender a ideia de que ele levou o Brasil ao FMI três vezes por culpa dos outros.

O que fez o Farol depois de ser desmoralizado ?

Nada !

Ficou calado.

Não teve a coragem de defender o Brasil que ele presidiu !

Provavelmente porque ele concorda com o Clinton: o Brasil não presta.

Quem presta é ele.

Veja a indicação de nosso editor João Andrade:


Paulo,

Os Amigos do Presidente postaram um vídeo do FHC levando “bronca” do Clinton em um encontro internacional, em 1999.

Esse é o link :http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/2011/02/exclusivo-video-historico-com-vexame.html




****
Fonte:http://www.conversaafiada.com.br/video/2011/02/04/video-vergonhoso-clinton-desmoraliza-fhc-em-publico-3/

Comunicação popular tem novidades em SC

04.02.2011
Do blog de Altamiro Borges


Reproduzo matéria de Elaine Tavares, publicada no blog Palavras Insurgentes:

O ano de 2011 começa com novidades para a Rede Popular Catarinense de Comunicação, uma articulação de entidades de comunicação popular que busca divulgar aquilo que a mídia comercial não dá importância, como por exemplo, as lutas populares, a cultura nativa e as experiências exitosas do povo organizado. A Agência de Notícias do Contestado (www.agecon.org.br), com sede na cidade de Fraiburgo, já retomou as atividades e está com seu sítio cheio de novidades, inclusive um Rádio Web, que agora também toca notícias. É a concretização de um antigo desejo, fruto de muita luta do pessoal do meio-oeste.

O portal Desacato (www.desacato.info) , que conta com artigos de toda a América Latina, discutindo os temas mais importantes do momento, também já está a todo o vapor e apresenta uma novidade muito importante para o grupo da Pobres e Nojentas(www.pobresenojentas.blogspot.com) . A partir de um trabalho dedicado feito por Rosângela Bion e Wilmi Frantz, finalmente a revista, que nasceu em maio de 2006, agora está disponível em todas as suas antigas edições na rede mundial de computadores.

Assim, quem nunca conseguiu comprar uma “pobrecita”, agora pode vê-la em todo seu esplendor, em PDF, desde o primeiro número (http://desacato.info/pobres-e-nojentas) . Esse era um desejo antigo das Pobres, mas que, por insuficiência tecnológica só pode se fazer realidade com a perseverante insistência do companheiro Raul Fitipaldi, editor do Desacato.

Essas novidades e trabalhos coletivos que vão se tecendo na solidariedade são os nós, seguros e ternos, que constroem a proposta de rede nascida lá na acolhedora Fraiburgo. Todos os dias, companheiros e companheiras, separados geograficamente, mas unidos no desejo de bem informar, preparam esse mosaico de histórias que apresentam ao mundo, certos de que só a cooperação e a unidade podem produzir os frutos suculentos da sociedade que sonhamos.

Convidamos então, a toda gente, para que acessem o sítio da Rede (www.redepopularcatarinensedecomunicacao.blogspot.com) e lá conheçam cada uma destas bonitas experiências de soberania comunicacional. O Estado de Santa Catarina vai se mostrando assim, na comunhão destas propostas que decidiram andar pelo caminho da solidariedade concreta.
****
Fonte:http://altamiroborges.blogspot.com/2011/02/comunicacao-popular-tem-novidades-em-sc.html

Ato público em São Paulo em apoio à revolução no Egito

04.02.2011
Do blog de Luiz Carlos Azenha


A Frente em Defesa do Povo Palestino, que reúne mais de 50 instituições, entre centrais sindicais, movimentos sociais e entidades árabes-brasileiras e islâmicas, além de indivíduos solidários à causa, realiza na próxima sexta-feira (4/2) ato em apoio ao movimento popular no Egito contra a
ditadura Mubarak e a favor da autodeterminação dos povos. A concentração erá em frente ao Shopping 25 de Março a partir das 16h30 para saída em passeata pelas ruas do centro de São Paulo.

A onda de protestos que teve início na Tunísia – conhecida como a Revolução do Jasmim, que culminou com a queda do ditador naquele país – se estendeu ao Egito e evidencia o esgotamento dos regimes autoritários ali e em outros destinos da região. Os EUA e Israel buscam como saída para o imbróglio que se formou uma transição denominada pacífica e moderada para uma “democracia” em que os povos do Egito e da Tunísia continuem sofrendo os horrores impostos por uma situação de total submissão aos interesses do império. Como parte dessa estratégia, Mubarak anunciou que não continuará no governo após a realização de eleições em setembro próximo, mas não admite deixar o poder antes disso.

Além do que a população, cansada de exércitos nas ruas, prisões, desaparecimentos e outras arbitrariedades, diz não. Sua exigência é de uma mudança radical imediata. Nesse sentido, as manifestações do povo no Egito cumprem papel crucial na emancipação e autodeterminação dos povos do Oriente Médio. E o sentimento crescente é que a solução para seus problemas imediatos passa necessariamente pelo rompimento com o imperialismo. As iniciativas em São Paulo vêm se somar a esse movimento, pelo fim da tirania, por democracia e liberdade.
****
Fonte:http://www.viomundo.com.br/voce-escreve/ato-publico-em-sao-paulo-em-apoio-a-revolucao-no-egito.html